Fintechs e desbancarização: por que startups tem crescido?

Papo IOUU

leitura de 4 min

Onde investir

Onde investir Em pleno momento tecnológico e cheio de oportunidades que vivemos no meio digital, qua...

leitura de 9 min

Fintechs, termo formado pela união dos prefixos de financial e technology, é um tipo de startup direcionada apenas para o mercado financeiro. A ideia é oferecer o serviço dos bancos, mas sem se tornar um. Suas principais vantagens competitivas são simplicidade, rapidez, transparência e maior controle dos processos por parte dos usuários.

O surgimento das fintechs tem relação direta com o avanço da internet e a necessidade de desburocratizar a forma com que são oferecidos pacotes de serviços pelos bancos tradicionais. Por isso, o termo “desbancarização” está sendo amplamente difundido na rede.

Não ter um intermediador para operações financeiras é um grande avanço, pois elimina gargalos e pode reduzir até mesmo a cobrança de taxas tão abusivas, motivo pelo qual essas startups fazem tanto sucesso: são mais baratas em relação aos bancos.

A desbancarização não significa a mudança total no relacionamento com os bancos. Há quem diga que esse processo ainda vai demorar para acontecer. No entanto, a liberdade de substituição de alguns serviços financeiros de recebimento, pagamento e investimento estão transformando o mercado que conhecemos.

Saiba mais sobre os fatores de sucesso das fintechs no post a seguir:

Recebimento e pagamento digitais

Trabalhadores de carteira assinada ou profissionais liberais: a difusão do home office como plataforma de trabalho é viabilizada pelo surgimento de empresas que terceirizam a folha de pagamento e possibilitam maior liberdade de movimentação financeira, disponibilizando o pagamento digital das contas do cliente.

Fintechs de peer-to-peer lending

Peer-to-peer, P2P lending ou empréstimo ponto a ponto é uma transação realizada por plataformas digitais especializadas, nas quais investidores disponibilizam seu dinheiro para outras empresas que precisam de crédito. Assim, por não ter intermediários, o processo fica mais barato para quem adquire o empréstimo e mais rentável para quem investe.

Tem grande liquidez, pode ser resgatado a qualquer momento e ainda fomenta a economia do país ao disponibilizar crédito às micro e pequenas empresas de maneira mais justa e desburocratizada.

Administração de carteiras de investimento

Serviço que, antes das startups, era oferecido apenas a quem possuía valores superiores a 1 milhão de reais. Foi possibilitado pela criação de um algoritmo que automatiza a sua aplicação.

Essa administração é direcionada a clientes que não cuidam de forma eficiente de suas economias ou não conhecem um jeito seguro de fazê-lo. As reservas são aplicadas de maneira equilibrada e de acordo com o perfil do cliente. São distribuídas entre renda fixa e variável.

Cartão de crédito pré-pago ou independente

É um tipo de cartão de crédito disponibilizado sem a necessidade de que o cliente possua conta bancária vinculada, que não cobra anuidade e outras taxas e tem atendimento eficiente e digital. Essas são as características que garantem às fintechs desse segmento a conquista tão rápida dos consumidores.

Essas empresas têm atraído um público heterogêneo: jovens antenados que já começam a sua movimentação financeira usando e abusando dos recursos tecnológicos, mas também pessoas que nunca possuíram conta em banco ― cerca de 40% da população, de acordo com o Banco Central.

Fintechs e a revolução no mercado

O grande desafio das fintechs é promover a mudança de comportamento de um consumidor mais exigente, que tem muito acesso à informação, porém com dificuldades em aceitar mudanças tão significativas.

À medida que esse desafio for superado, as fintechs proporcionarão maior diversificação de negócios. Com a internet possibilitando livre acesso às soluções e melhores alternativas, o mercado se comportará eliminando aqueles que não acompanharem a evolução. Os benefícios com a competição estarão disponíveis principalmente para os clientes.

Está perdido com tanta inovação? Curta nossa página no Facebook e participe ativamente dessa nova revolução tecnológica!

Conheça a IOUU e invista seu dinheiro de modo rápido, transparente, com altas taxas de retorno e 100% online

Assine a newsletter da IOUU e mantenha-se atualizado com as notícias do mercado!

imagem-01-blog

Quem viu esse post também curtiu:

Economia Compartilhada: o que é e como utilizar es...

Muito provavelmente você já ouviu o termo economia...

leitura de 9 min

Newsletters de economia: 7 opções para entender o ...

Uma boa forma de estar atento a tudo que acontece ...

leitura de 13 min

5 Podcasts sobre Economia que você precisa conhece...

Ouvir a podcasts sobre economia está ficando cada ...

leitura de 9 min