4 hábitos que podem prejudicar sua vida financeira

Papo IOUU

leitura de 3 min

Capitalização do negócio: é uma boa opção?

Com o atual cenário econômico, torna-se muito difícil expandir uma empresa, pois, com a diminuição d...

leitura de 4 min

Como você já deve saber, existem alguns hábitos que podem prejudicar sua vida financeira. Muitas vezes tratados como inofensivos, ao longo do tempo atitudes como não controlar os gastos podem lhe deixar na dívida.

Para que isso não aconteça, é muito importante ter uma boa gestão da sua vida financeira. Pensando nisso, reunimos 4 hábitos para prestar atenção e evitar que prejudiquem a sua relação com o dinheiro. Confira:

1. Não calcular os gastos com o cartão

Não acompanhar diária, semanal e mensalmente todas as despesas que você tem com o cartão de débito e crédito é um dos grandes erros. Além disso, se você não conhece suas finanças, não calcula os gastos recorrentes, as entradas e principalmente as saídas, você está seguindo o caminho mais curto para o descontrole.

Quando isso acontece, ao chegar o fim do mês você não saberá para onde foi o seu dinheiro e não terá uma noção dos gastos que podem ser supérfluos ou prejudicar o seu orçamento.

Para acabar com esse hábito errado, comece a anotar as saídas do cartão de crédito e débito por dia, por semana e faça também um panorama mensal. Visualizar o que tem gastado permite um melhor controle e planejamento do seu dinheiro.

Esse controle pode ser feito por meio de tabelas ou planilhas no seu computador ou por meio de anotações em cadernos que fiquem de fácil acesso, evitando que você esqueça de registrar algum gasto.Baixe também aplicativos de finanças pessoais para que essa tarefa seja feita automaticamente.

2. Não ter metas de salvar dinheiro

Não ter metas ou não apostar em um planejamento é um dos grandes hábitos errados que prejudicam fortemente sua vida financeira. Uma das melhores formas de ter saúde na sua vida financeira é evitar a dívida e poupar.

Para tal, é importante estipular prazos como para comprar um carro, dar entrada na sua casa própria ou juntar um determinado montante para fazer investimentos e melhorias no seu empreendimento.

Quando falamos em guardar dinheiro, isso não deve acontecer após pagar as contas; apenas separe uma parcela da sua receita depois de quitar todas dívidas. Além disso, não é nada benéfico recorrer ao cheque especial em que você paga pelo menos 12% de juros ao invés de contar com uma poupança, por exemplo. Então, comece a guardar o seu dinheiro e estipule metas para isso; elas podem ser de curto, médio e longo prazo.

3. Gastar o dinheiro antes de receber

Isso é muito comum de acontecer com os cartões de crédito, mas é um erro. Apesar de ajudar nas suas compras parceladas, gastar antes de receber com os gastos recorrentes (passeios, jantares, mercado, combustível) no cartão de crédito pode acabar gerando uma bola de neve de dívidas.

Com isso, você perde totalmente o controle da sua vida financeira e pode acontecer de não ter crédito ou dinheiro suficiente para os imprevistos ou contas importantes como IPTU e IPVA. Para que isso não aconteça, evite fazer parcelamentos em compras diárias e prefira pagar à vista, principalmente quando você tiver descontos.

4. Comprar impulsivamente

Dentre os hábitos errados da vida financeira, não podemos deixar de citar as compras compulsivas. É preciso separar os gastos supérfluos daqueles que são necessários. Muitas refeições fora de casa, compras recorrentes de roupas ou despesas excessivas com TV e telefonia não são essenciais e acabam tomando conta de grande parte do seu orçamento.

Sendo assim, mude as suas atitudes, abandone esses hábitos e pense muito bem antes de adquirir ou trocar qualquer tipo de bem. Pondere se você precisa dele ou se você só o quer. Coloque na balança os prós e contras de cada compra sempre!

Abandone os hábitos que podem prejudicar sua vida financeira

Quando você começar a abandonar esses hábitos errados que comprometem a sua vida financeira, ficará livre da dívida e verá que o seu dinheiro começará a fluir bem melhor e não será somente para arcar com os seus gastos.

Viu como atitudes que parecem inofensivas podem lhe prejudicar ao longo do tempo? Ajude seus amigos a ter uma vida financeira saudável compartilhando este post nas suas redes sociais!

Assine a newsletter da IOUU e mantenha-se atualizado com as notícias do mercado!

imagem-01-blog

Quem viu esse post também curtiu:

Economia Compartilhada: o que é e como utilizar es...

Muito provavelmente você já ouviu o termo economia...

leitura de 9 min

Newsletters de economia: 7 opções para entender o ...

Uma boa forma de estar atento a tudo que acontece ...

leitura de 13 min

5 Podcasts sobre Economia que você precisa conhece...

Ouvir a podcasts sobre economia está ficando cada ...

leitura de 9 min